25.10.11

DYLAN


Acabei No Direction Home, o famoso documentário que Scorsese fez sobre o início do Dylan e que é, ao mesmo tempo, todo um panorama ali da virada para a década de 60, aqueles anos. Longo, passa de 3 horas, assisti como uma minissérie, em quatro partes, mas isso não diminuiu o filme. Agora que, musicalmente, Dylan começa a fazer sentido, com Basement Tapes e Highway 61 Revisited, não tinha hora mais recomendada. O blog acabará, em parte, com esses momentos diário dessa viagem pela obra de Dylan. 

Nenhum comentário: