21.9.11

Canção para os Amigos


Semanas atrás fui ver o Eskimo, do Patrick Laplan, no Sérgio Porto, carregado por um amigo que já acompanha a banda há um bom tempo. A produção nacional de rock não me fisga, mas, por isso que a coisa foi diferente, o Eskimo vai além. Tem pop, tem música brasileira, tem doses pesadas de metal e estruturas de progressivo. Em um momento atentei para um verso que soltava ares de samba, em outro para artimanhas instrumentais que me remeteram ao brilhante álbum de estreia do Pain of Salvation, o Entropia. Eu não poderia ter saído dali mais satisfeito. De dever de casa, ficou pegar o álbum recém-lançado, Felicidade Interna Bruta, que ainda não fiz. Mas escrevo aqui porque voltei a esbarrar com a música de Laplan e seu (super) projeto em uma das gravações para o tocavideos. Fomos à casa dele e chegando lá, já com tudo armado, eu nem sabia o que esperar. Eis que começa uma bela música, daquelas da forma canção mesmo, simples, em valsa e grandiosa. Não me recordo agora se fora tocada no show que vi, mas é possível que sim. A música foi apenas no piano e voz, com acompanhamento de uma guitarra clean e um clarinete suave, mas, por trás disso, era possível imaginar uma orquestra. Chega de música pequena que tem por aí, Canção para os Amigos, composição de Patrick e Marcio Segan, é grande. Deixo ela abaixo, em sua versão completa, com um arranjo de banda, que está no disco. Em breve, linkarei aqui a versão do tocavideos. O Eskimo está fazendo um belo trabalho e correndo por fora. Patrick sabe das coisas, depois volto falando do cd. Merece.

Nenhum comentário: