25.4.09

poppower

Trabalhando numa seleção pop aqui para o Joaquina esbarro em ótimas músicas pop. O termo pop é pejorativo para muitos, virou sinônimo de música vendida. Mas ok, a quantidade de coisas ruins que surgiram nas últimas décadas (quase) engolem a boa safra de música pop das mesmas décadas. Na última semana, veio ao Rio, Burt Bacharach - o compositor americano que fez o pop perfeito. Seu pop tem jazz, Gerswhin e música brasileira.

Para citar alguns momentos recentes que inspiraram esse post: "Sunrise" do Simply Red é excelente, feita em cima do hit dos 80s "I Can´t Go For That", de Hall & Oates. É um dos grandes momentos do Simply Red, aquele pop com soul e black music, muitas vezes baba, mas com qualidade. Outra é "Talulah", do Jamiroquai, ótima canção pop e, como tudo que a banda faz, tem os dois pés na black music dos 70s. Aqui, sem as batidas da pista, mas com algo mais sensual, Marvin Gaye.

E outros: Seal com "Get it together", "Crazy", da dupla Gnarls Barkley, "P.D.A", de John Legend, e o single "Put Your Records On", que colocou Corinne Bailey Rae pra tocar no mundo, também valem. O pop poder ser bom, sim.

*Na foto, Jay Kay, o Jamiroquai em pessoa.

Nenhum comentário: