25.2.09

carnajazz

Na volta do Carnaval, o tema que toca é "Pro Pat" do guitarrista brasileiro John Cassio em seu último disco "Estação da Luz". A música entra com um belo tema e de forma genial é conduzida pela bateria de Rafael Barata ao lado do baixo de Jorge Albuquerque. Cassio tem bom gosto, suas composições são influenciadas pelo jazz tradicional e também por guitarristas como Pat Metheny e Jim Hall. Daí sua sofisticação no instrumento em pérolas como "Inspiração", "Baião de Nós Dois" (com Marcos Amorim no violão) e "Toca do Amorim" - esta com brilhante participação do saxofonista Idriss Boudrioua.

19.2.09

imagens

Dois momentos. No primeiro, David Crosby observado por Neil Young. No segundo, George e Paul passando algo, já nos últimos anos.

18.2.09

saindo do forno

É, o novo disco do Dream Theater está no forno. A previsão é que saia no início do segundo semestre com produção mais uma vez de Mike Portnoy e John Petrucci, respectivamente, baterista e guitarrista do grupo. Aguardo e torço para que a banda retome a direção mais progressiva, que saiu um pouco de cena nos dois últimos (bons) discos.

16.2.09

música é arte

"US" - disco que Peter Gabriel lançou em 1992 - é excelente. No momento, "Blood of Eden", uma das pérolas do disco, em uma versão alternativa, sem a voz de Sinead O 'Connor que participa da versão do album.

Nos últimos dias, pipocou a notícia de que Peter não se apresentará no Oscar com sua canção do filme Wall-E, que concorre à estatueta. A condição que a academia impôs foi que a execução da música tivesse apenas 65 segundos. "Down to Earth" é a canção que fecha o filme e, tem pouco mais de 6 minutos. Peter saiu fora afirmando que os compositores de cinema dão duro, trabalham bastante e, por isso, merecem um espaço.

13.2.09

progressivo novo

Enquanto Adele reina, vejo que a Progressive Nation 2009 acontecerá entre julho e agosto. Esse ano o elenco é de primeira linha, Beardfish, Pain of Salvation, Zappa Plays Zappa e os idealizadores da tour, Dream Theater. A turnê - que passará por Canadá e Estados Unidos - marca a volta do Pain of Salvation ao país de Obama, depois de anos de boicote, discordando da política de Bush.

12.2.09

continuando...

Acabo de ver que "Make you feel my love" que citei no post anterior é de autoria de Bob Dylan. E desde ontem "Cold Shoulder" não para de tocar, por enquanto a grande canção do disco. Na foto, Adele com seus dois grammys, de revelação e Melhor Performance Pop Vocal Feminina, pela música "Chasing Pavements". No site da cantora vejo que, além da banda, um quarteto de cordas a acompanha nos shows e dessa forma a sonoridade do disco deve ser levada aos palcos. Adele parece saber das coisas.

11.2.09

Adele

Uma simples curiosidade levou-me ao disco de Adele, britânica que ganhou o grammy de revelação dias atrás. Seu disco "19" foi lançado ano passado e o título é a idade da cantora na época. Vinda de uma escola soul - que também fazem parte as novas Duffy e Amy Winehouse, Adele tem algo diferente, como a que toca no momento, "Make you feel my love".

A maturidade do canto de Adele impressiona e, os arranjos - muitas vezes com cordas - são excelentes, como em "Tired", "Right As Rain" e "Cold Shoulder".


9.2.09

grammy

Robert Plant ganhou 5 grammys ontem e isso pode ser um sinal de ter mesmo acertado no disco folk "Raising Sand", gravado em parceria com a cantora Alisson Krauss. E quem também levou foi Peter Gabriel, que ganhou com sua canção para o excelente filme Wall-E.

6.2.09

deu no whiplash.net

Já falei aqui e, aguardo com ansiedade o disco da banda Chickenfoot. Formada pelos van halens Sammy Hagar e Michael Anthony, o chilli pepper Chad Smith e o guitarrista Joe Satriani, tem tudo para ser um grande grupo de rock. É interessante a idéia de ver Satriani de outra forma, sem o seu rock instrumental e, ao lado de Sammy Hagar, grande vocalista que fez história no Van Halen, mesmo sob críticas.

Chickenfoot promete.
Está no ar o site: www.chickenfoot.us

Desde ontem, "I am Blessed", de Nina Simone, em versão lounge num disco da série remixed da Verve não para de ecoar. Nina é das grandes e nessa música - que não conhecia, vou atrás da original - está perfeita.

Vejo no site do Peter Gabriel que, o músico tem datas marcadas na Argentina, Peru e Chile no final do mês de março. E o Brasil?

4.2.09

folk


Pelo que li da apresentação de Damien Rice em São Paulo, foi uma noite histórica. Pesquei essas fotos no G1 e, na terceira, dá pra ver Damien no meio do público, que depois de seu convite subiu ao palco e fez uma espécie de coro na ótima "Volcano". O cantor irlandês - acompanhado apenas do violão, velas e garrafas de vinho - passou pelos seus dois discos e ainda tocou "Hallelujah", de Leonard Cohen, e "Desafinado", de Newton Mendonça e Tom Jobim.

Damien com seu primeiro disco "O" trouxe novos ares à música, e ganhou mais visibilidade quando sua bela "The Blower's Daughter" entrou no filme "Closer".

3.2.09

música com alma

Na primeira foto, Stevie Wonder. O soulman está com um dvd saindo do forno, finalmente. "Live at Last" foi gravado ano passado na O2 Arena, em Londres, e traz um repertório passando por toda carreira de Stevie, além de um medley de Stones e Beatles. Imperdível.

Na segunda, Hiromi Uehara. Um amigo ontem passou o link no youtube dessa pianista japonesa e é algo impressionante. Transbordando virtuosismo, Hiromi Uehara toca com vigor uma música que passa por jazz, fusion, rock, progressivo e música erudita. Ainda não vi muita coisa da pianista, mas o pouco, deixou-me curioso. No site, vejo que Uehara tem 6 discos e um deles com Chick Corea.

De primeira, Uehara pode parecer fria com sua virtuose, mas acho que a pianista tem feeling, vou conferir.

"I love Bach, I love Oscar Peterson, I love Franz Liszt, I love Ahmad Jamal ... I love Sly and the Family Stone, Dream Theater and King Crimson."
Hiromi Uehara