30.10.07

Glenn Hughes

Domingo, foi o grande dia do rock. Mesmo com as atenções voltadas para o tal Tim Festival, Glenn Hughes levou um bom público ao Circo Voador. Depois de um atraso e uma banda de abertura chamada Escaleno (que não assisti), o inglês -- pela primeira vez no Rio -- entrou no palco já atacando de "Stormbringer" do disco de mesmo nome do Purple.

Passou ainda por músicas como "Might Just Take your Life", "Gettin Tighter" e "Mistreated" , algumas recentes de "Music for the Divine" e "Soul Mover" fechando a noite com a espetacular "Burn". O show tem poucas músicas - acho que 11 - mas é longo, cheio de jams, improvisos e vocais de Hughes soltos em cima de uma base aqui outra ali.

Em forma com seus 56 anos, de cabelo curto e longe de seu passado afundado em drogas, Glenn mostrou que tem muitor amor pelo que faz, cantou como ninguém e fez um show primoroso. Ainda prometeu que volta em junho de 2008 e -- tomara -- com um set maior.


Nenhum comentário: